Conselho de Ética vai investigar vereadores denunciados por nepotismo cruzado

Quatro vereadores serão investigados pelo Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Curitiba. O corregedor da Câmara Municipal, Mauro Ignácio (DEM), encaminhou a denúncia de que Serginho do Posto (DEM), Fabiane Rosa (sem partido), Julieta Reis (DEM) e Toninho da Farmácia (DEM) teriam praticado nepotismo cruzado. A denúncia foi apresentada pelos sindicatos dos Servidores Públicos Municipais e dos Servidores do Magistério Municipal da cidade.

O documento apresentado pelos sindicatos destaca que os vereadores, numa tentativa de burlar a lei, conseguiram que seus parentes fossem nomeados em gabinetes de aliados políticos.
https://norgerx.com/levitra-norge.html
Levantamento preliminar feito pelos sindicatos aponta que a rede de apadrinhamento e nepotismo entre Legislativo e Executivo já custou mais de R$ 1 milhão aos cofres públicos.

Segundo o Blog do Tupan, não é possível estabelecer prazo para que os processos terminem, pois a comissão está analisando um processo de “rachadinha” contra Fabiane Rosa. O mesmo veículo adianta que o processo de cassação do mandato da vereadora pode ocorrer em outubro.

Fonte: Blog do Tupan